Irineu Marinho - Imprensa E Cidade - Globo - Livrarias Curitiba

Buscar
Irineu Marinho - Imprensa E Cidade - Globo
LV319325

Quantidade: 1

12345
  • OPÇÕES DE
    PARCELAMENTO
  • CONSULTE
    FRETE
  • ADICIONAR AOS
    MEUS DESEJOS
Fundado em 1911, o veículo destacou-se entre outros órgãos da "nova imprensa brasileira" pelo ímpeto com que encabeçou o movimento de renovação do modo de produção de notícias na cidade do Rio de Janeiro. Como empresa que se pretendia autônoma, livre das benesses e ingerências do poder político, buscava a autossuficiência financeira. Uma vez que o lucro dependia de leitores e anunciantes, A Noite buscou conquistar o leitor comum, mergulhando na cultura popular e modernizando a linguagem e a temática da pauta jornalística: o jornal publicava o resultado do jogo do bicho, envolvia-se nos problemas urbanos do dia a dia e investia no noticiário policial, atendendo a novas faixas de público, fora do alcance do jornalismo sisudo e beletrista praticado até então. O volume acompanha o desenvolvimento de A Noite em paralelo à trajetória de Irineu Marinho. Bem-sucedido como empresário, o jornalista vivia em constante conflito com o poder político. Perseguido por Hermes da Fonseca, esteve preso no governo Epitácio Pessoa e teve de se autoexilar sob a presidência de Artur Bernardes a ausência do país lhe custaria o comando de A Noite em 1925, em meio a um conflito entre os acionistas pelo controle da empresa. Apenas quatro meses depois, porém, Marinho daria o troco a seus adversários, lançando um novo jornal: O Globo. Não pôde, contudo, testemunhar o êxito da empreitada. Um mês mais tarde, o empresário morreria de enfarte, aos 49 anos, deixando o comando dos negócios a seu filho, Roberto Marinho.

CARACTERÍSTICAS

EditoraEDITORA GLOBO S.A.
Edição1
Ano da Edição2012
AutorMARIA ALICE REZENDE DE CARVALHO
EAN139788525053022
IdiomaPORTUGUES
FormatoBROCHURA
Nacional ou ImportadoNacional
ISBN8525053023
Largura19
Altura25
Profundidade1,5
Páginas232
Peso1060 g.

Avaliações do Produto

Dúvidas dos Consumidores