Ícone Menu

Jardim Dos Diamantes, O - Chiado

LV422655
"Já imaginaram o que seria descobrir uma plantação de diamantes no jardim da vossa casa? Não, claro que não!
Naturalmente ninguém se ia lembrar de esconder uma taleigada de diamantes, “desviados” de uma operação de tráfico a partir de Angola, no jardim da sua vivenda, aposto que não … a não ser um certo e perspicaz Alberto Gazulo que decidiu que o melhor lugar para esconder os diamantes era mesmo no seu jardim!
Efectivamente, Alberto Gazulo tinha conseguido passar a perna, não só a uma maléfica “Organização” de traficantes da pior espécie, mas também à sua devotada amante, de quem se quis desfazer mandando matá-la, e ao marido desta que envolveu de tal maneira numa tramóia tão bem urdida que o desgraçado ainda ficou com o ónus da questão, já que passou a ser o alvo preferencial da tal “Organização que ficara a ver os diamantes por um canudo!
Na realidade, o inocente António da Purificação, que há muito andava a ser traído maritalmente pela esposa, ainda se viu envolvido por ela numa gigantesca operação de tráfico de diamantes, vendo-se na contingência de andar fugido dessa malvada “Organização” que se dedicava a traficar armas e diamantes a partir de Angola, e que o pobre homem desconhecia em absoluto!
Sem se poder considerar verdadeiramente um tríler, a nova obra de António Coimbra não deixa de ter uns pozinhos de suspense, intriga quanto baste, ódio em quantidades industriais e vinganças de bradar aos céus.
A história deste romance remonta aos primeiros tempos da conturbada independência de Angola e, não obstante o AMOR estar sempre presente, é a mentira e a traição que mais se evidenciam, cruzando-se numa aventura alucinante que nos transporta de uma situação de morte iminente num degradante musseque luandense, até ao desfrute do sossego e do relax numa paradisíaca ilha de New Providence nas Bahamas."

Avaliações do Produto

Dúvidas dos Consumidores