Pedra So - Escrituras - Livrarias Curitiba

Buscar
Pedra So - Escrituras
LV346482

Quantidade: 1

12345
  • OPÇÕES DE
    PARCELAMENTO
  • CONSULTE
    FRETE
  • ADICIONAR AOS
    MEUS DESEJOS
No capítulo de abertura, que nomeia o livro, traz um longo poema dividido em 27 partes, revestido de tons épicos e flertando com a linguagem bíblica. Pedra Só é o nome de uma fazenda onde o poeta tem o privilégio de passar uma parte de seu tempo. Então, na Fazenda Pedra Só, no Sertão da Bahia, o poeta inventou um entrelugar, com o mesmo nome da propriedade, para dar evasão aos seus delírios poéticos. E é a partir da Pedra Só que frequenta os lugares mais recônditos e inóspitos da sua memória, buscando o barro fundamental - a poesia primeva - para fazer a ligação do seu ser com a arte e criar seus poemas.
O primeiro capítulo, "Pedra Só", faz um movimento de retorno às origens sertânicas do poeta com uma intensidade que até então não havia experimentado em sua obra, e é assim também no segundo capítulo, intitulado "Aboio Livre". A terceira seção é a "Toada do Tempo", em que usa com mais frequência o verso medido e que situa o poeta dentro do tempo, medindo sua finitude e, paradoxalmente, fazendo-o perceber-se atemporal. A quarta seção, chamada "Partituras", é onde aparecem as cantigas e os cânticos de louvor. E, por derradeiro, o capítulo "Parábolas", em que acentua o surrealismo, criando uma esfera fantástica impregnada de misticismo.
Pedra Só tem um primoroso projeto gráfico e conta com imagens do fotógrafo mineiro Ricardo Prado, feitas na Fazenda Pedra Só, e com um perfil do autor assinado pelo jornalista Gabriel Gomes, intitulado "O Poeta e a Pedra. Só". O texto das orelhas é do poeta Vitor Nascimento Sá, no qual alerta o leitor: "A poesia de José Inácio Vieira de Melo não se estabelece no convencimento racional nem nas prerrogativas de cunho moral, mas na percepção do maravilhoso que é produzido como êxtase e fulguração, descoberta e alumbramento".
A contracapa traz texto do renomado escritor português Gonçalo M. Tavares, que assim definiu o novo trabalho de JIVM: "E aqui temos a forte síntese: o solo firme e a imaginação - uma das características essenciais desta Pedra Só de José Inácio Vieira de Melo". No posfácio, além do perfil feito por Gabriel Gomes, há um poema telúrico/metafísico de Elizeu Moreira Paranaguá em homenagem ao Cavaleiro da Pedra Só.

CARACTERÍSTICAS

EditoraESCRITURAS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA
Edição1
Ano da Edição2012
AutorJOSE INACIO VIEIRA DE MELO
EAN139788575314319
IdiomaPORTUGUES
FormatoBROCHURA
Nacional ou ImportadoNacional
ISBN8575314319
Largura14
Altura21
Profundidade1,5
Páginas144
Peso185 g.

Avaliações do Produto

Dúvidas dos Consumidores