Produtos encontrados: 160 Resultado da Pesquisa por: edipro em 11 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

  • 399520

    15,02 %

    Avante Mulheres - Edipro

    sinopse
    • Avante, mulheres! reúne os principais textos da pioneira do feminismo, Olympe de Gouges. Dramaturga e ativista política à época da Revolução Francesa, a autora apresenta nestas linhas as bases da defesa dos direitos das mulheres, da abolição da escravatura dos negros, da liberdade de expressão, entre outras pautas extremamente atuais. Esta edição, com prefácio da professora doutora Gláucia Fraccaro, inclui também a icônica obra Declaração dos Direitos da Mulher e da Cidadã, uma carta aberta à rainha Maria Antonieta em defesa de princípios fundamentais aos quais todas as mulheres teriam direito - princípios esses negligenciados pela Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão. Os escritos aqui apresentados demonstram a genialidade e a coragem de uma das mais brilhantes intelectuais do século XVIII. Uma obra de inspirações múltiplas para os interessados no feminismo, na Revolução Francesa e nas grandes lutas por liberdade e garantia de direitos.
  • 384172

    15,02 %

    Do Amor Fraterno - Edipro

    sinopse
    • A relação entre os irmãos é a temática principal deste tratado em que Plutarco analisa não somente a natureza do amor fraterno, mas também o papel da família nesta relação. No seu entender, os pais exercem papel fundamental no modo como os filhos relacionam-se entre si. Plutarco apresenta vários exemplos de irmãos que desenvolveram amor e ódio em suas relações, para mostrar quão nociva é a ausência do amor ao irmão, e como isso colabora para a ruína pessoal e da família. Para tanto, nosso autor busca exemplos na filosofia, na história, na tragédia e, particularmente, na mitologia grega. [?] na concórdia entre os irmãos, a linhagem e a casa estão saudáveis e prósperas, amigos e familiares, tal como um coro harmonioso, não atuam, nem dizem e nem pensam o contrário [?]
  • 377917

    14,99 %

    Metamorfose Das Plantas, A - Edipro

    sinopse
    • Alçado à fama aos 21 anos, com Os sofrimentos do jovem Werther, e celebrado pela crítica aos 41 anos, com Fausto, Johann Wolfgang von Goethe é reconhecido como um dos maiores poetas e dramaturgos da história. Contudo, poucos se lembram de outra faceta do gênio alemão: a de um cientista visionário.Em A metamorfose das plantas, publicado em 1790, Goethe apresenta sua teoria de que todas as estruturas botânicas, da raiz aos frutos, são metamorfoses de um único órgão basal. Dessa forma, todos os vegetais compartilhariam uma estrutura primordial que variaria de acordo com as condições nas quais se desenvolvesse. A teoria de Goethe é uma revolução no pensamento científico de sua época, além de uma elegante e complexa elaboração abstrata. A metamorfose das plantas descreve tanto um processo natural quanto um conceito metafísico de ser originário. Algo que apenas um cientista-poeta poderia realizar
  • 374733

    14,99 %

    Alem Do Bem E Do Mal - Edipro

    sinopse
    • Esta obra é uma importante reflexão sobre a lógica da humanidade que persegue a razão, seja cartesiana, seja aristotélica. Nietzsche questiona a necessidade de superação dessa lógica e, enfim, a necessidade de ir Além do Bem e do Mal.
  • 366553

    15,02 %

    Preceitos Conjugais - Edipro

    sinopse
    • Plutarco dedica este tratado de conteúdo filosófico-pedagógico a Poliano e Eurídice, seus discípulos e filhos de amigos ilustres, que se casaram. Este breve regalo, pautado nos ensinamentos da Escola Grega, apresenta uma curta introdução, seguida de quarenta e oito anedotas - que atuam como modelos comportamentais - e uma pequena conclusão, por meio dos quais procura mostrar a utilidade da filosofia e da religião na vida cotidiana. O objetivo central deste presente ofertado ao casal é ensinar aos jovens, de acordo com os preceitos filosóficos e religiosos da época, como manter a harmonia no casamento, que Plutarco compara à música, pois esta também deve ter suas notas harmonizadas para que seja ouvida de modo agradável e transmita tal sensação a quem a ouve. Do mesmo modo, o casal deve exibir harmonia, um atuando em sintonia com o outro, e, como uma música, ser capaz de despertar a atenção de quem o veja. "[...] a harmonia musical do casamento e do lar, que é conveniente prover por meio do diálogo, da harmonia e da filosofia."
  • 360936

    15,0 %

    Educacao Moral, A - Edipro

    sinopse
    • Este curso sobre a Educação Moral - um dos trabalhos mais importantes produzidos por Émile Durkheim - é o primeiro sobre a Ciência da Educação que o sociólogo francês ministrou na Sorbonne, em 1902-1903, e está dividido em duas partes: a primeira, denominada "Os elementos da moralidade", é dedicada integralmente ao tema da moral e tem um caráter eminentemente teórico, à medida que nela o autor discute os elementos constitutivos da moralidade, tanto os elementos pétreos - o espírito de disciplina e a adesão aos grupos sociais - quanto o elemento da moralidade típica das sociedades modernas - por ele denominado de autonomia da vontade; a segunda parte do curso, intitulada "Como constituir na criança os elementos da moralidade", tem um caráter prático, e, embora retome os dois elementos pétreos da moralidade - conforme sugerem as duas seções nas quais está dividida: "O espírito da disciplina" e "O vínculo com os grupos sociais" -, nela o autor deixa transparecer seu comprometimento com a formação do cidadão republicano. "A pedagogia não tem o direito de ser paciente [...], pois ela responde a necessidades vitais que não podem esperar. Quando uma mudança no meio exige de nós um ato apropriado, o ato não pode ser protelado." - Émile Durkheim
  • 338978

    15,0 %

    Ausencia - Edipro

    sinopse
    • Quando um homem se perde de si mesmo e de tudo o que permeou o seu caminho, surge a ressignificação da sua existência... Um romance essencialmente humano, cujo pano de fundo é a doença de Alzheimer. Uma história profunda e transformadora, que traz à tona muitas formas de Ausência. Um encontro de personagens aparentemente situados em lados opostos do distúrbio, médico e paciente, mas que partilham mais do que se pode esperar. Dramas pessoais, dilemas éticos e existenciais se entrelaçam nesta comovente reflexão sobre o papel da memória na existência. "O que eu seria se minha biografia desaparecesse da minha mente, apagando todas as pessoas, os lugares, os conhecimentos?" Essa foi a pergunta que deu início ao processo criativo de Ausência. Interessada na perda gradual de consciência sofrida por pessoas com doenças degenerativas, a autora concebeu um dos personagens principais da obra como portador de Alzheimer: o professor de Literatura Ervin, que se vê aos poucos distanciar-se daquilo que constituiu o centro de sua vida, sua bagagem intelectual e cultural. Enquanto Ervin perde a consciência, o neuropsiquiatra Daniel revive um drama familiar de infância. "Ausência é um romance que me permitiu perceber que cada um de nós é o caminho que percorreu. O caminho pode até se apagar da memória, mas jamais deixa de existir [...] está lá, vívido, tocando, cruzando, modificando caminhos de outros." Flavia Cristina Simonelli
  • 333087

    14,99 %

    Liberalismo E Democracia - Edipro

    sinopse
    • De forma quase unânime, ao ouvir os termos "liberal", "democrático" e "liberal-democrático" proferidos nos meios político ou jornalístico, as pessoas encontram dificuldade em compreender seu real significado, e acabam por confundi-los. Este livro pretende ser um antídoto para essa confusão, pois diferencia com clareza os antigos, veneráveis e atemporais conceitos de Liberalismo e de Democracia. Sendo o liberalismo e a democracia duas respostas a questões políticas de natureza diferente, ao longo da história tenderam a se comportar como variáveis independentes: existiram e existem Estados que não são nem liberais, nem democráticos; Estados liberais, mas não democráticos; e Estados liberais e democráticos. E o mais inquietante - uma vez que contrasta mais diretamente o lugar-comum que confunde liberalismo e democracia - é o fato de terem existido e existirem Estados democráticos que não são liberais. Este último fenômeno foi previsto pelo pensador liberal Alexis de Tocqueville já em 1840, e foi chamado de "tirania da maioria". Em muitos outros livros e artigos, Norberto Bobbio analisou e discutiu vários aspectos do antigo e do novo liberalismo e da velha e da nova democracia, mas é neste livro que seus conceitos são expressos de maneira comparada, abrangente, breve e simples, ou seja, com uma abordagem didática. Por essa razão, a presente obra - já traduzida para seis idiomas - tem sido frequentemente utilizada como texto de base sobre o assunto por estudantes de diversas partes do mundo.
  • 332090

    15,0 %

    Emilio Ou Da Educacao - Edipro

    sinopse
    • Publicado em 1762, este incontornável clássico da filosofia moderna provoca e fascina o leitor de hoje quase com a mesma intensidade com que chocou o século das Luzes. Rejeitando os métodos pedagógicos de seu tempo, Jean-Jacques Rousseau mostra como é possível educar uma criança segundo a natureza e, com isso, protegê-la dos vícios da sociedade.Mas Emílio é muito mais que um tratado de educação. O relato romanceado da vida de um menino, do nascimento até o casamento, forma uma obra rica e desconcertante, que se volta contra os sistemas de pensamento dominantes da época ao mesmo tempo em que contempla todos os temas cruciais da filosofia do século XVIII. No horizonte da pedagogia de Rousseau está a preocupação, essencialmente política, de formar o homem para a sociedade europeia de seu tempo.Na ocasião de sua publicação, o livro foi considerado revolucionário e escandaloso em diversos aspectos, e tanto precipitou os malogros de Rousseau quanto consolidou seu renome como filósofo e escritor. Síntese de décadas de reflexão e resultado de anos de redação, Emílio é a obra-mestra para entender o pensamento de Rousseau e uma referência sempre fundamental para a reflexão sobre o problema da educação.
  • 290867

    14,99 %

    Da Abundancia De Amigos - Edipro

    sinopse
    • Esta é uma reflexão sobre a amizade. Nesta obra, Plutarco questiona o desejo de alguns pela abundância de amigos. A seu ver, a amizade é um bem difícil de ser conquistado, pois a verdadeira amizade não nasce de um encontro casual, mas da convivência estabelecida durante muitos anos. Para Plutarco, temos a possibilidade de avaliar quando alguém é digno de nossa amizade pela virtude, pela alegria e pela utilidade demonstradas com o tempo. Esses princípios mostram-se inviáveis quando se ambiciona ter uma grande quantidade de amigos, pois o amigo é apenas aquele com quem estabelecemos uma relação de confiança, conceito que, por si só, não cabe a muitos. Plutarco adverte ainda que a abundância de amigos gera intrigas entre eles, especialmente nos momentos em que dispensamos nossa atenção a apenas um, o que torna a amizade perigosa. O que é, portanto, a moeda da amizade? A benevolência e a graça em companhia da virtude, a natureza não tem nada mais raro que elas.
  • 281318

    15,02 %

    Justica, A - Edipro

    sinopse
    • Este diálogo foi extraído de A República, a mais traduzida, difundida, estudada e influente obra de Platão, consagrada como um dos mais expressivos textos de filosofia de todos os tempos! Composto por um diálogo narrado em primeira pessoa por Sócrates, este livro apresenta como questão fundamental o tema da justiça, permeado por discussões acerca de qual é a sua natureza e de que ela é constituída. Um tema de caráter amplo, e que alcança os mais diversos campos de reflexão transitando do âmbito pessoal ao social e desembocando no plano universal , que merece ser estudado e apreciado por todos aqueles que buscam compreender, refletir e transcender os limites deste conceito universalmente presente na formação, na organização e na evolução das sociedades passadas, presentes e futuras.
  • 257080

    15,0 %

    Dialogos Iv - Edipro

    sinopse
    • Este livro reúne quatro Diálogos apresentados por Platão: Parmênides (ou Das Formas), Político (ou Da Realeza), Filebo (ou Do Prazer) e Lísis(ou Da Amizade). Neste volume, o leitor é desafiado a comprovar a atualidade do pensamento filosófico clássico da Antiga Grécia, sobretudo do pensamento platônico. As ideias e o pensamento do sábio Platão contidos nessa seleção dirigem-se para a genialidade, que tem como característica perdurar-se no tempo. Atualmente, se faz necessária a profunda reflexão sobre os Diálogos neste volume selecionados. Um mundo que se importa apenas com as formas, e menos com as ideias; um mundo hedonista, preocupando-se apenas com o prazer; um mundo que despreza a amizade; um mundo no qual a política, longe de liderar, traz a sordidez, e que deve ser repensado à luz da reflexão filosófica.
  • 248778

    14,98 %

    Mito Da Caverna, O - Edipro

    sinopse
    • Um dos textos filosóficos mais lidos de todos os tempos,este clássico de Platão extraído de sua obra A República que narra um diálogo entre o irmão de Platão, Gláucon, e Sócrates, seu mentor, é um convite à permanente reflexão. Sua atualidade e relevância justificam-se por inspirar o resgate de valores fundamentais para a formulação do senso crítico, despertando a consciência político-filosófica tão necessária nos dias atuais. Uma obra de formação intelectual que explica como podemos nos libertar da escuridão que nos aprisiona através da luz da verdade. Aqui Platão discute sobre teoria do conhecimento, linguagem e educação na formação do Estado ideal. Sua leitura contribui para o engrandecimento pessoal dos jovens e inspira todos os leitores a atuarem como seres sociais conscientes da necessidade de esclarecimento de todos os demais.
  • 228051

    14,99 %

    Etica A Nicomaco - Edipro

    sinopse
    • Uma das mais expressivas e fecundas obras do pensamento grego e uma das que mais influenciaram a posteridade do mundo ocidental. Ética a Nicômaco revela o mais produtivo e laborioso filósofo da antiguidade às voltas com a conceituação e a investigação dos elementos fundamentais da ciência do caráter e dos costumes. Trata-se de texto de referência indispensável e obrigatório a todos os estudantes e cultivadores da filosofia, das artes e das ciências humanas, destacadamente o direito, a psicologia, a antropologia, a sociologia e a política. Edição ampliada com novos textos introdutórios e notas.
  • 171328

    15,02 %

    Flores Encantadas - Edipro

    sinopse
    • Um novo e criativo livro para colorir indicado para todas as idades, e especialmente para os adultos! 50 belíssimas imagens de padrões florais e desenhos da artista Jenean Morrison que apresentam diferentes estilos e níveis de detalhamento e dificuldade, do fácil ao bastante desafiador! Uma verdadeira terapia antiestresse para descansar a mente, despertar a criatividade, deixar fluir a imaginação e relaxar...
  • 170257

    15,02 %

    Dos Delitos E Das Penas - Edipro

    sinopse
    • Desde a sua primeira edição, em 1764, Dos Delitos e das Penas provocou (e continua provocando) as mais intensas polêmicas, devido principalmente ao seu embasamento francamente humanista. Os temas aqui discutidos - pena de morte, acusações secretas, prisão, torturas, roubo, contrabando, entre outros - continuam despertando o interesse de profissionais, pesquisadores e estudiosos, tornando esta obra, hoje clássica, uma permanente e profícua fonte de inspiração e reflexão para todos os que se preocupam com os Direitos Humanos. A presente obra constitui-se num tratado que impulsionou grandes modificações no direito penal internacional e também nas Constituições brasileiras, cuja influência encontra-se presente nos princípios da anterioridade, da legalidade, da responsabilidade pessoal, da irretroatividade da lei penal, da presunção de inocência, da proporcionalidade da pena, entre outros. A intensa comoção instaurada a partir da sua publicação permanece viva a inspirar reflexões e o constante repensar de todos aqueles que se ocupam da solidificação do respeito aos Direitos humanos.
  • 36308

    15,01 %

    Cidade Antiga, A - Edipro

    sinopse
    • 'A Cidade Antiga', do historiador francês Fustel de Coulanges, analisa o surgimento das instituições gregas e romanas, que se basearam exclusivamente no culto e na religião. Entre essas instituições está o Direito, especificamente as regras de propriedade, de sucessão, adoção, etc.
  • 30256

    15,01 %

    Capital, O - Edipro

    sinopse
    • Em 1867, após 20 anos de elaboração, Karl Marx publica o livro que iria mudar o conceito de trabalho em sua época, cujas repercussões atingem até os dias de hoje. A Edipro apresenta a Edição Condensada de 'O Capital', com tradução de Gabriel Deville, oferecendo ao leitor mais um clássico do pensamento humano.
  • 4518

    14,98 %

    Utopia, A - Edipro

    sinopse
    • Este clássico tem atraído a atenção de estudiosos e intrigado leitores desde a sua publicação no século XVI. Sir Thomas More idealiza uma ilha onde não existe a propriedade privada nem o dinheiro, e onde o Estado preocupa-se com a felicidade do povo e a organização da produção. Para o filósofo, seria a sociedade ideal. 'A Utopia' discorre sobre a contradição desse lugar ideal - de um lado, o paraíso, onde não existem desigualdades; de outro, o inferno, onde a individualidade não encontra espaço para se manifestar. Com a publicação da presente obra, More populariza a ideia da Utopia, permitindo que cada um estabeleça uma definição própria sobre esse conceito.
  • 3638

    15,0 %

    Dores Do Mundo, As - Edipro

    sinopse
    • Considerada uma das obras clássicas da filosofia alemã, As dores do mundo apresenta uma série de reflexões sobre a existência, propondo uma nova forma de se pensar a dor e a felicidade. Temas como o amor, a morte, a arte, a moral, a religião, a política, o homem e a sociedade ilustram a teoria exposta por Schopenhauer na presente obra.Indicada a todos os estudiosos e pensadores da conduta humana, quer ligados às áreas da própria filosofia, da sociologia, da religião, como a profissionais de toda e qualquer área em que se faça necessário o entendimento dos meandros que constituem a base do comportamento humano. O filósofo traz reflexões sobre a existência, cuja finalidade, segundo ele, seria a própria dor, constituindo-se o mundo num lugar de expiação. Para Schopenhauer, faz-se necessário refutar as premissas estabelecidas pelos sistemas metafísicos que entendem o mal como algo negativo. Pois, do seu ponto de vista, ao contrário do bem, o mal é que deve ser considerado positivo, uma vez que somente ele se faz, de fato, sentir. O autor tece aqui suas considerações fundamentando-se na teoria de que "O bem, a felicidade, a satisfação são negativos porque não fazem senão suprimir um desejo e terminar um desgosto, em geral, achamos as alegrias abaixo da nossa expectativa, ao passo que as dores a excedem sobremaneira".
  • 399020

    15,0 %

    Assim Falou Zaratustra - Edipro

    sinopse
    • "Deus está morto". Assim falou Zaratustra é uma obra composta de discursos e imagens poéticas. Lançando mão de um estilo que emula as parábolas bíblicas, Nietzsche narra o que seria a sua versão da vida e dos ensinamentos do filósofo persa também chamado de Zoroastro, do século VII a.C. Suas três primeiras partes foram publicadas entre 1883 e 1885. Uma quarta parte foi adicionada à obra, que foi lançada em volume único em 1893. O livro é estruturado em episódios que podem ser lidos em qualquer ordem. Nietzsche busca subverter as bases do zoroastrismo e desenvolver a ideia de que o humano é uma forma transicional, o meio do caminho entre o macaco e o "super-homem" ou "além do homem". Nesta obra também aparece sua célebre declaração: "Deus está morto". Assim falou Zaratustra é leitura essencial para estudiosos e apreciadores da filosofia. Esta é uma das peças fundamentais para a construção do moderno pensamento ocidental. Leitores de Nietzsche encontrarão nesta edição ? com tradução, introdução e notas de Saulo Krieger, doutor em filosofia e membro do Grupo de Estudos Nietzsche (GEN) ? uma das mais bem elaboradas críticas do autor à moralidade que inibe a autossuperação e a vontade.
  • 398479

    15,0 %

    Categorias - Edipro

    sinopse
    • Nesta obra, Aristóteles estabelece o instrumento da lógica formal, base do pensamento científico. Contrapondo-se à maneira discursiva dos diálogos, consagrada por Platão, o filósofo inaugura um novo pensar como forma de alcançar a verdade das coisas. Ao definir dez categorias (substância, quantidade, qualidade, relação, lugar, tempo, posição, estado, ação e paixão) para classificar tudo o que existe, Aristóteles propõe elementos que podem ser apreendidos diretamente pelo pensador, sem necessidade de demonstração. Assim, estabelece um modelo dedutivo fundamental para a elaboração do conhecimento científico. Categorias é um misto de estudos lógicos e linguísticos essencial para os estudiosos.
  • 390788

    15,0 %

    Meditacoes - Edipro

    sinopse
    • Estas são anotações pessoais do imperador romano Marco Aurélio escritas entre os anos de 170 a 180. Também conhecidas como Meditações a mim mesmo, reúnem aforismos que orientaram o governante pela perspectiva do estoicismo - o controle das emoções para que se evitem os erros de julgamento. Suas meditações formam um manual de comportamento ainda atual sobre como podemos melhorar nosso comportamento e o relacionamento com o próximo. Marco Aurélio trava um diálogo interior em busca de verdades fundamentais por meio da razão sem deixar de lado a sensibilidade. Sem inclinação a qualquer crença religiosa, Meditações apela para ordens universais nas quais até mesmo os acontecimentos ruins ocorrem para o bem de todos. O imperador assume o papel do filósofo que instrui o aluno e dá conselhos ao amigo. Por seu caráter íntimo, Meditações tornou-se um dos escritos mais reveladores e inspiradores a respeito do pensamento de um grande líder. Apresenta ensinamentos sobre as virtudes, a felicidade, a morte, as paixões e a harmonia com a natureza e a aceitação de suas leis. Figura ainda entre as obras fundamentais para os estudiosos da filosofia estoica, mesmo milênios depois de sua composição.
  • 380462

    15,0 %

    Dos Deveres - Edipro

    sinopse
    • Nesta obra, endereçada ao filho, Marco Túlio Cícero estabelece preceitos de retidão para o homem público. Dividido em três partes, Dos deveres apresenta, a princípio, o conceito de honestidade. A segunda parte é dedicada à ideia de utilidade. Cícero finaliza a obra comparando os dois conceitos e exaltando a prevalência do primeiro sobre o segundo. Apoiado nos grandes pensadores de sua época e em uma já extensa carreira política, Cícero explora a essência da honestidade e nos leva a refletir sobre o dever cívico. Esta edição traz ainda um estudo apresentado por Altino Arantes, governador do Estado de São Paulo de 1916 a 1920, proferido aos estudantes da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, sobre a trajetória do cônsul romano.
  • 375044

    15,0 %

    Republica, A - Edipro

    sinopse
    • A República (ou Da Justiça) é a obra mais traduzida, difundida, influente e estudada de Platão. Consagrada como um dos mais expressivos escritos de filosofia de todos os tempos, teve seu texto estabelecido por diversos helenistas ilustres. A presente tradução a partir do grego baseia-se no de Hermann, da Teubner.Esta obra aborda diversos temas fundamentados, centrados e subordinados à questão primordial "o que é a justiça?" e seus desdobramentos: "qual é a sua natureza?" e "do que é ela constituída?". Platão expõe sua concepção de um Estado soberano (comunista) cuja forma de governo permitiria que a ideia de justiça fosse aplicável, realizável e realizada.Esta edição inclui a numeração referencial de Stephanus localizada às margens do texto, um histórico de toda a obra de Platão, dados biográficos, cronologia e uma sinopse com os principais temas detalhados ao longo da obra
  • 366552

    14,99 %

    Politica - Edipro

    sinopse
    • Esta obra primordial da cultura clássica encanta a todos os que buscam compreender a formação, a estrutura e o desenvolvimento da vida em comunidade. Para Aristóteles, o principal motivo desta associação humana é o bem comum, capaz de proporcionar felicidade aos seus cidadãos e prosperidade à cidade. A instituição de leis e a sua observância são fundamentais para que a cidade seja uma associação humana feliz e próspera. Estas e outras reflexões atemporais compõem esta cuidadosa tradução anotada e que traz a numeração referencial de Bekker. Inclui apêndice com a tradução de "Da Monarquia, Democracia e Oligarquia", de Plutarco.
  • 352078

    15,0 %

    Origem Das Especies - Edipro

    sinopse
    • O livro que apresentou a teoria da evolução, de Charles Darwin, e redefiniu para sempre a ciência moderna. Esta nova tradução de A origem das espécies destaca-se por ter sido elaborada com base na primeira edição do texto, de 1859, que depois passaria por alterações do próprio autor em consequência das inúmeras pressões da imprensa e da comunidade científica do século XIX. Sem cortes e censuras, este volume traz a teoria darwinista original, em vez de seguir a prática de tomar como base a sexta edição da obra, então já amplamente alterada. A pesquisa de Darwin foi tão rigorosa e precisa em seu primeiro manuscrito que, hoje, estas hipóteses são comprovadas pela comunidade científica. Com prefácio e notas do doutor Nelio Bizzo, um dos maiores especialistas em darwinismo no Brasil, esta edição realça a importância histórica desta que é a principal obra da biologia de todos os tempos.
  • 345158

    15,01 %

    Estatuto Do Idoso - Edipro

    sinopse
    • Estatuto do Idoso (Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003, atualizada até a Lei nº 13.466, de 12 de julho de 2017) traz também Legislação Complementar e Normas Correlatas. Temas abordados: Prioridade especial aos maiores de 80 anos (Lei nº 13.466, de 12.7.2017), Direitos do idoso, Prioridade judiciária, Previdência, Saúde, Alimentos, Imposto de Renda, Eleição, Trânsito, Pesca. Inclui Índice Remissivo.
  • 345156

    15,02 %

    Tratado Sobre A Tolerancia - Edipro

    sinopse
    • Em outubro de 1761, Marc-Antoine, filho de Jean Calas, foi encontrado morto. Sem sinais de violência, todos os indícios apontavam para o suicídio por enforcamento. Entretanto, Calas era um protestante em uma França oficialmente católica. A intolerância religiosa levou a um julgamento precipitado, à prisão e ao banimento de sua família e à tortura e morte de Jean Calas. Impondo-se contra essa barbárie e em defesa da justiça à memória e à viúva de Calas, Voltaire publicou em 1763 o Tratado sobre a tolerância. Em uma época ainda marcada pela guerra entre as religiões francesas, o filósofo ataca o fanatismo religioso e prega a aceitação e o respeito ao próximo. Registro de um dos processos jurídicos mais famosos da história e uma peça filosófica das mais brilhantes, Tratado sobre a tolerância é um texto que, infelizmente, continua necessário em nossos dias.
  • 338935

    14,98 %

    Metamorfose, A - Edipro

    sinopse
    • Um dos contos mais celebrados da literatura mundial, A metamorfose foi publicado pela primeira vez em 1915. Após um século, continua a encantar por sua proposta surreal e surpreendente. Uma manhã, o caixeiro-viajante Gregor Samsa acorda transmudado em um horrível inseto. Absurdamente, sua primeira preocupação é com o atraso para o trabalho, mas logo Samsa é obrigado a lidar com o pavor de sua família ao deparar com tamanha monstruosidade. A metamorfose é considerado uma das obras fundamentais da literatura do século XX. Intrincado e instigante, é uma das produções mais geniais do mestre das letras Franz Kafka.

Produtos encontrados: 160 Resultado da Pesquisa por: edipro em 11 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar