Produtos encontrados: 29 Resultado da Pesquisa por: em 9 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

  • 446678

    PRÉVENDA

    Vida Liquida

    sinopse
    • Em Vida líquida, Zygmunt Bauman volta ao tema da fluidez da existência contemporânea, desenvolvido também em outras obras de sucesso como Amor líquido e Modernidade líquida. Em Vida líquida, Zygmunt Bauman apresenta de forma brilhante uma coletânea de ideias sobre a vida que levamos numa sociedade líquido-moderna. Para o autor, a liquidez é a essência máxima do ser contemporâneo ? a transformação das relações humanas em mercadoria produz um sentimento de fragilidade e incerteza que domina todas as esferas de nossa existência no mundo atual. Afinal, o indivíduo social, reduzido à condição de mero consumidor, não obtém satisfação plena consigo mesmo nem com o outro. A vida líquida não admite uma direção única, e as frustrações naturais oriundas da incerteza produzem indiferença, desapego, indefinição de valores e uma boa dose de cinismo. O peso do efêmero traz consigo o medo de ficar para trás e de não acompanhar os movimentos sempre cambiantes dos eventos ? sejam eles políticos, econômicos, sociais ou afetivos.
  • 439020

    25,01 %

    Afrografias Da Memoria

    sinopse
  • 438639

    PRÉVENDA

    O Espirito Militar

    sinopse
    • Fruto da primeira pesquisa antropológica realizada numa instituição das Forças Armadas brasileiras, O espírito militar tornou-se a maior referência nos estudos da área e hoje ganha nova edição, revista e ampliada. A volta dos militares à política, observada desde meados dos anos 2010, coloca novos desafios para a compreensão de nossa experiência social e torna ainda mais urgente a melhor percepção deste segmento. Neste estudo pioneiro, baseado em extensa pesquisa etnográfica realizada entre 1987 e 1988 na Academia Militar das Agulhas Negras, Celso Castro argumenta que a construção da identidade militar se dá através da oposição simbólica a um ?mundo civil?. Fugindo de estereótipos e preconceitos, o autor revela a dinâmica do principal centro de formação de oficiais do Exército brasileiro, examinando por dentro o seu funcionamento e os diversos elementos e códigos que regem a vida na caserna ? como disciplina, hierarquia e obediência. Assim, o ponto de vista militar é apresentado a partir da perspectiva de um observador que participou ativamente dos treinamentos e da rotina dos cadetes, compartilhou de sua intimidade e teve diversas conversas e entrevistas não apenas com eles, mas também com oficiais da instituição. Acrescido de um novo prefácio e de um capítulo inédito, o trabalho pioneiro de Celso Castro segue fundamental para a compreensão do pensamento militar e para o entendimento da geração de oficiais que hoje atua e se manifesta politicamente. ?O espírito militar é referência obrigatória para antropólogos, cientistas políticos, sociólogos, historiadores e para um público mais amplo, interessado na investigação séria de uma das categorias mais citadas e menos conhecidas da sociedade brasileira.? ? Gilberto Velho
  • 436861

    25,01 %

    Amor Liquido

    sinopse
    • Best-seller da obra de Zygmunt Bauman ? agora em novo projeto gráfico ?, Amor líquido é um livro fundamental para a compreensão das relações afetivas dos dias de hoje. A era da modernidade líquida em que vivemos ? um mundo repleto de sinais confusos, propenso a mudar com rapidez e de forma imprevisível ? é fatal para nossa capacidade de amar, seja esse amor direcionado ao próximo ou a nós mesmos. Zygmunt Bauman, um dos mais originais e perspicazes sociólogos da contemporaneidade, investiga aqui de que forma nossas relações tornam-se cada vez mais frágeis e geram níveis de insegurança cada vez maiores. Uma vez que damos prioridade a relacionamentos em ?redes? que podem ser tecidas ou desmanchadas com igual facilidade (e frequentemente sem que isso envolva nenhum contato além do virtual), não sabemos mais como manter laços a longo prazo. Sensível e brilhante como de hábito, Bauman faz deste Amor líquido muito mais do que uma mera e triste constatação, mas um alerta revigorante. Ele busca esclarecer, registrar e apreender de que forma o homem sem vínculos ? figura central dos tempos modernos ? se conecta.
  • 436774

    25,01 %

    Cegueira Moral

    sinopse
    • Uma análise brilhante do novo mal que assola nossa época e nos anestesia perante o sofrimento alheio. Em nossos dias, a maldade e a miopia ética se escondem naquilo que consideramos comum e banal na vida cotidiana. A violência e os desastres se tornaram tão constantes e são de tal modo naturalizados que estamos calejados de tanta desumanidade. E esse é apenas um dos sintomas dessa cegueira moral que caracteriza nossas sociedades. Com originalidade ? e como um diálogo epistolar entre amigos ?, esse mal contemporâneo é analisado por Zygmunt Bauman e pelo filósofo e cientista político Leonidas Donskis. Uma leitura fundamental e de grande interesse para todos aqueles que se preocupam com as mudanças mais profundas que, silenciosamente, moldam a vida dos homens na modernidade líquida.
  • 435149

    25,01 %

    Presenca De Antigona

    sinopse
    • """O retrato da Antiguidade Clássica que a maioria das pessoas aprende na escola segue um padrão: pinceladas de misoginia ao mesmo tempo que omite as origens da resistência feminista. Muitas práticas notoriamente prejudiciais adotadas hoje, como os códigos de vestimenta nas escolas, a exploração do meio ambiente e a cultura do estupro, têm suas raízes no mundo antigo. Em Presença de Antígona, Helen Morales nos lembra de que o poder subversivo dos mitos existe porque eles são contados ? e lidos ? de maneiras diferentes. Para cada história de violência e misoginia relatada pela autora, há outra de solidariedade e empoderamento. Por meio de capítulos curtos e afiados, que vão de Antígona a Greta Thunberg, Nice a Beyoncé, ou Lisístrata ao movimento #MeToo, a aclamada acadêmica provoca um embate entre o legado da mitologia Clássica e a quarta onda do feminismo, traçando um caminho para o futuro. Inteligente e inspirador, Presença de Antígona oferece um necessário e fascinante novo olhar sobre as histórias que todos conhecemos."""
  • 432103

    24,99 %

    A Origem Da Especie

    sinopse
    • A origem da espécie investiga uma das histórias mais antigas que ainda se contam na face da Terra: o Mito do Roubo do Fogo. Mitos pertencem, sobretudo, ao campo da etnologia. São ainda objeto da filosofia, da história das religiões, da sociologia, da psicologia, da psicanálise, de outros ramos do conhecimento. Que faz, então, um romancista, um contador de histórias como Alberto Mussa, no terreno do mito? Ele responde: ?Mitos são, no fim das contas, apenas mais um gênero de narrativa, embora seja, para mim, o gênero por excelência ? o mais exuberante, o mais perfeito entre todos, por condensar o máximo de conteúdo com um mínimo de expressão.?A origem da espécie é um ensaio literário que reconstitui as personagens e o arcabouço da trama original do Mito do Roubo do Fogo ? um poderoso programa ideológico, um código dos valores fundamentais da humanidade primordial, que inclui: o alimento cozido, a caça como expressão da inteligência, o tabu do incesto, e o poder ?xamânico?, segundo o qual ?ser plenamente humano é não ser apenas humano?. Assim reconstituído e interpretado, o Mito do Roubo do Fogo ainda lança luz sobre a polêmica questão da origem da linguagem, provavelmente surgida em hominídeos mais antigos que o Homo sapiens.À semelhança de um filólogo que estuda e compara diversos manuscritos antigos e anônimos de um mesmo poema ou narrativa, Alberto Mussa escreve aqui, em sua obra mais radicalmente pessoal, o que pensa ? ou o que sente ? sobre o roubo do fogo, assim como sobre a compreensão da verdadeira noção de humanidade, concebida no paleolítico, ou a de sociedade, como existe hoje.Nas palavras do autor: ?Mitos, na verdade, são mais velhos que línguas, são mais antigos que populações. Já passa da hora de dar voz a eles?.
  • 431864

    25,0 %

    As Americas E A Civilizacao

    sinopse
    • As Américas e a civilização constitui-se no segundo livro a compor a série ?Estudos de Antropologia da Civilização? concebida por Darcy Ribeiro que é compostas por O processo civilizatório, As Américas e a Civilização, O dilema da América Latina, Os Brasileiros: 1 - Teoria do Brasil, e Os índios e a civilização. As reflexões aqui presentes vieram à lume durante o período em que o intelectual esteve no exílio. Trata-se de uma análise profunda dos processos histórico-culturais vividos pelos povos gestados na América a partir de uma perspectiva inovadora, na qual buscou-se evitar abordagens tradicionais marcadas por visões eurocêntricas. O desafio a que Darcy se colocou neste livro é dos mais espinhosos: tratar de forma conjunta das particularidades e percursos que marcaram as diferentes populações do vasto continente americano. Como extremo estudioso da História que foi, o antropólogo reúne num só livro os caminhos e descaminhos dos habitantes da América do Norte, Central e do Sul. E faz isso com a propriedade de quem não apenas estudou suas origens e experiências históricas, como também de quem percorreu boa parte das terras americanas.
  • 427841

    25,0 %

    Antropologia E Como Educacao

    sinopse
    • Esta obra escrita por Tim Ingold quer demonstrar que após anos como professor e aluno ele pôde ter uma melhor compreensão que o estudo antropológico, como uma forma de viver com outros, é educacional. Com ideias vindas de projetos do qual participou o autor pôde reconfigurar a relação entre as práticas de investigação e os conhecimentos que dão origem e revitalizar a instituição na qual trabalhava como uma comunidade acadêmica.
  • 426595

    25,01 %

    Etnias Do Mundo

    sinopse
    • Uma escola pública do interior de Pernambuco, estudantes que não gostavam de sua aparência, pais que não particip vam da vida escolar dos filhos... uma combinação perfeita para o fracasso escolar, certo? NÃO! Descubra como um professor de Artes reverteu essa realidade através de um projeto simples, com pouquíssimos recursos, mas com práticas inspiradoras, que transformaram a vida não só de seus alunos, mas de uma cidade inteira!
  • 426336

    25,0 %

    Macho E Femea

    sinopse
    • Este livro ? sem dúvida, um dos maiores clássicos da Antropologia ? tem como fundamento catorze anos de trabalho de campo e vinte e cinco anos de trabalho profissional. Isto poderia significar pouco se o nome da autora não fosse Margaret Mead. Aliam-se, pois, nesta obra, o gênio indiscutível da renomada antropóloga e o trabalho exaustivo de longos anos.
  • 425826

    25,0 %

    Espaco Publico, Urbanismo E Bairros Negros

    sinopse
    • "O ESPACO PUBLICO E O LUGAR DE ENCONTROS E DO DESENROLAR DA VIDA ENTRE PESSOAS DE DIFERENTES GRUPOS SOCIAIS, RELIGIOES E ESTRATOS SOCIAIS. TRATA-SE, POR EXCELENCIA, DO LUGAR DE COMUNICACAO, DEMOCRACIA, EXPRESSOES CULTURAIS E LAZER. TRANSITA COMO O SENTIDO AMPLO DO SER COLETIVO NA SOCIEDADE E REPRESENTA UM PATRIMONIO SOCIAL NO QUAL SE PROCESSAM IDENTIDADES E DESENVOLVEM-SE HABITOS DE SOCIALIZACAO E DE SOLIDARIEDADE. NA SOCIEDADE BRASILEIRA, AS POPULACOES NEGRAS REPRESENTAM UM DOS VETORES DA CULTURA NACIONAL E TAMBEM E HEREDITARIA DA AFRICANIDADE TRANSFORMADA NO TEMPO E NO ESPACO DA URBANIZACAO BRASILEIRA, DESIGUAL ENTRE OS GRUPOS SOCIAIS. SAO POPULACOES QUE DESENVOLVERAM FORMAS URBANAS PROPRIAS E QUE SOFREM COM AS RESTRICOES IMPOSTAS POR UMA PARTICULARIDADE DO CAPITALISMO BRASILEIRO, LIMITACOES IMPOSTAS QUE SAO VISTAS COMO AS PRECARIEDADES DO RACISMO INSTITUCIONAL ANTINEGRO, QUE CONDICIONA A INSERCAO URBANA DA POPULACAO E LIMITA O SENTIMENTO AMPLO DE PERTENCIMENTO A UMA SOCIEDADE IGUALITARIA. TENDO ISSO EM VISTA, O ESPACO PUBLICO, DO ANGULO DO ESTATUTO DAS CIDADES, E UM ESPACO DE INTEGRACAO SOCIAL NECESSARIO E COM POTENCIAL DE REDUZIR AS ASSIMETRIAS ENTRE OS GRUPOS SOCIAIS. DAI A IMPORTANCIA DO ESPACO PUBLICO E DA SUA CONSTANTE RENOVACAO E AMPLIACAO NA MALHA URBANA, PRINCIPALMENTE PARA AS POPULACOES NEGRAS."
  • 402932

    25,01 %

    Folclore Em Questao, O - Wmf Martins Fontes

    sinopse
    • O folclore em questão preocupa-se em mostrar que o folclore pode ser estudado e deve ser analisado de forma crítica. O livro está dividido em três partes. A primeira, O folclore antiga e novas perspectivas, é uma introdução didática ao problema - discute o folclore nas ciências sociais, seu campo e objetivos, enfim as questões necessárias a uma primeira tomada de pé no assunto. A segunda, Tendências dos estudos folclóricos em São Paulo, contém o clássico Os estudos folclóricos em São Paulo, um estudo sobre Amadeu Amaral e outro sobre Mário de Andrade. A terceira parte, O folclore em resenha, é uma coletânea de pequenos trabalhos. A reflexão crítica aqui apresentada constitui uma forma de enriquecer os debates sobre a cultura brasileira, além de permitir às novas gerações acesso aos trabalhos deste importante sociólogo paulista.
  • 396804

    25,0 %

    Pedagogia Hip Hop Consciencia Resistencia E Saberes Em Luta, A - Appris

    sinopse
    • "O LIVRO A PEDAGOGIA HIP-HOP: CONSCIENCIA, RESISTENCIA E SABERES EM LUTA, PERMITE-NOS REESCREVER A HISTORIA SOBRE A POPULACAO NEGRA DE FORMA CRIATIVA. CARACTERIZA-SE PELO CONJUNTO DE EXPERIENCIAS RELACIONADAS AS HISTORIAS E AS PRATICAS CULTURAIS QUE NOS FORAM NEGADAS COM BASE NAS ATIVIDADES REALIZADAS A PARTIR DOS ELEMENTOS QUE FORMARAM A CULTURA HIP-HOP ? BREAKING, GRAFFITI, DJ, MC, FUNCIONANDO COMO DISPARADORES DE CONHECIMENTOS PARA QUE OS JOVENS (RE)ELABOREM SUAS IDENTIDADES AO MESMO TEMPO EM QUE NOS POSSIBILITA A CONSTRUCAO DE UMA REFLEXAO SOBRE A CULTURA DO RACISMO E DAS VIOLENCIAS QUE RECAEM SOBRE O CORPO NEGRO. ISSO NOS COLOCA DIANTE DAS DINAMICAS EXISTENTES NAS PERIFERIAS E DA DIVERSIDADE DE MOVIMENTOS DE TRANSFORMACAO QUE FAZEM REVELAR O JOVEM DA FAVELA. ASSIM, RECORREREI AO HIP-HOP PARA PENSAR EM QUE MEDIDA O MOVIMENTO PODE AUXILIAR NA REPOSICAO DE UMA EXPERIENCIA PERDIDA, PRESERVANDO NO SUJEITO O SEU PODER DE CRITICIDADE EM RELACAO A SITUACAO LIMITE, ENTRE A VIDA E A MORTE, DESTINADA AO POVO NEGRO, QUE NOS REVELA HISTORIAS DE RESISTENCIA NO ATLANTICO, NA ESCRAVIDAO, NO FOGO CRUZADO, NAS BALAS PERDIDAS, NOS ASSASSINATOS CAUSADOS POR GANGUES DE POLICIA, NOS BARRACOS, NAS FAVELAS, NOS BECOS, NAS VIELAS, NO HIP-HOP. UMA SITUACAO QUE EXIGE A RECRIACAO DE NOVAS RELACOES ENTRE A HISTORIA, A CONSCIENCIA, A EDUCACAO E A CULTURA, A FIM DE FAZER PULSAR EM NOSSO POVO O ESPIRITO DE UMA MENTE VITORIOSA, COLETIVA E DECOLONIZADA. ISSO PROPORCIONOU A BUSCA POR NOVOS OLHARES PARA OS LETRAMENTOS ESCOLARES E EVIDENCIOU A PEDAGOGIA HIP-HOP COMO UMA FORMA DE REEDUCACAO DAS NOSSAS RELACOES ETNICO-RACIAIS E COMO UM NOVO DEVIR NA CONSTRUCAO DE UMA EDUCACAO JUSTA E EMANCIPATORIA PARA A JUVENTUDE NEGRA E PERIFERICA. DESSE MODO, O POVO PRETO ?REEXISTE?. E ?E NOIS1? REESCREVENDO A HISTORIA POR MEIO DOS RISCOS, DO RITMO, DOS PENSAMENTOS AFROCENTRADOS E DA LUTA PELA LIBERTACAO, PROPORCIONANDO, SEGUNDO ASANTE (1988, 2003, P. 85), ?[...] A LIBERTACAO DA MENTE, A PRECURSORA ADEQUADA PARA A LIBERTACAO DO CORPO? NEGRO."
  • 388866

    25,0 %

    Humano Monstro - Appris

    sinopse
    • "UMA PESQUISA CORAJOSA QUE CHEGOU A UM BOM TERMO. NO ESFORCO DE PENSAR A CARACTERIZACAO DAS PERSONAGENS DO FILME FREAKS (TOD BROWNING, 1932), UM CLASSICO DO GENERO HORROR, IVON MENDES ENFRENTOU UMA QUESTAO DELICADA: COMO FORAM CARACTERIZADOS OS ATORES E ATRIZES QUE, NAQUELA EPOCA, ERAM CONSIDERADOS PESSOAS DEFORMADAS E TIDAS COMO MONSTRUOSAS? CURIOSAMENTE, NESSE FILME ACONTECEU UMA SITUACAO INVERSA DAQUELA VIVENCIADA COTIDIANAMENTE NESSE UNIVERSO, QUE SERIA TRANSFORMAR O ROSTO E O CORPO DE UM INTERPRETE ? COMO LON CHANEY FAZIA, POR EXEMPLO ? PARA DEIXA-LO COM UMA APARENCIA DESFIGURADA E ASSUSTADORA. VALE LEMBRAR QUE OUTROS ASPECTOS, SOBRETUDO ETICOS, ESTAVAM EM JOGO. BASTARIA APRESENTAR OS INTERPRETES DE FREAKS COMO ?MONSTROS DE UM CIRCO DE HORRORES?? JA NAO VIVIAM ESSAS PESSOAS IMERSAS NUMA EXISTENCIA DE MARGINALIDADE E DEGRADACAO SOCIAL? ELAS SERIAM AINDA MAIS EXPOSTAS AO PUBLICO COMO ABERRACOES ESPETACULARES? IVON MENDES, AO TRATAR DESSAS QUESTOES, COM ACUIDADE E DELICADEZA, FAZ BROTAR UMA REFLEXAO PROFUNDA SOBRE O HORROR QUE NOS HABITA. A MANEIRA DA OBRA RETRATO DE DORIAN GRAY, DE OSCAR WILDE, O MONSTRO E O OUTRO ATE QUE NOS ENCONTREMOS COM A NOSSA PROPRIA IMAGEM."
  • 387022

    24,99 %

    Negritude - Usos E Sentidos - Autentica

    sinopse
    • O que significam a negritude e a identidade para as bases populares negras e para a militância do movimento negro? Por onde deve passar o discurso sobre essa identidade contrastiva do negro, cuja base seria a negritude? Passaria pela cor da pele e pelo corpo unicamente ou pela cultura e pela consciência do oprimido? A partir de questionamentos como esses, Kabengele Munanga debruça-se sobre a construção identitária do Brasil ao longo dos tempos, partindo do princípio de que o conceito de identidade recobre uma realidade muito mais complexa do que se pensa, englobando fatores históricos, psicológicos, linguísticos, culturais, político-ideológicos e raciais. Ao tratar da negritude e da identidade negra na contemporaneidade, o autor discorre ainda sobre o conceito na diáspora, contemplando o que se pode chamar de tentativa de assimilação dos valores culturais do branco, abordando discursos pseudojustificativos e diferentes acepções e rumos da negritude. Escrito por um dos maiores estudiosos da cultura negra no Brasil e no mundo, este livro, integrante da coleção Cultura Negra e Identidades, figura como obra relevante e inquietante sobre a temática e, principalmente, acerca da construção identitária da nação e da configuração social, cultural, política e econômica no Brasil.
  • 386111

    25,0 %

    Travestis Carne Tinta E Papel - Appris

    sinopse
    • AO CONTRARIO DO QUE ENCONTRAMOS NA MAIORIA DOS ESCRITOS DE HISTORIADORES, NESTE LIVRO OS CORPOS SE FAZEM PRESENCA, NELE SE FAZ O RELATO HISTORICO DO REGIME DE CORPOS, DOS MODELOS DE CORPOREIDADE, DAS TECNICAS DE PRODUCAO CORPORAL, DAS TECNOLOGIAS DE FABRICACAO DE CORPOS, QUE SE FAZEM PRESENTES E SE MODIFICAM ENTRE OS ANOS 70 E 80 DO SECULO XX, MAIS ESPECIFICAMENTE NO BRASIL E NA CIDADE DE FORTALEZA, NO ESTADO DO CEARA. TRAVESTIS: CARNE, TINTA E PAPEL FAZ A HISTORIA DA PRODUCAO DE CORPOS TRANSGRESSORES, DE CORPOS TRANSGRESSIVOS, DE CORPOS TRANS. ELE TRATA DA EMERGENCIA PUBLICA DO SUJEITO TRAVESTI, DE COMO ESSE LUGAR DE SUJEITO FOI PRODUZIDO E HABITADO HISTORICAMENTE NO BRASIL. REDEFINICAO DO PROPRIO CONCEITO DE TRAVESTI, QUE DEIXA DE SER ALGO QUE SE PORTA, QUE SE VESTE, QUE SE DESFILA COM ELE, PARA IR SE TORNANDO UMA CONDICAO, UM LUGAR DE SUJEITO, UM SER, UMA IDENTIDADE DE GENERO, QUE VAI SE DESLOCANDO DO MASCULINO PARA O FEMININO E QUE, MAIS RECENTEMENTE, E INCORPORADA AS IDENTIDADES DESIGNADAS COMO TRANS, DE TRANSICAO, DE TRANSVERSALIDADE, DE ATRAVESSAMENTO DAS FRONTEIRAS BINARIAS DEFINIDAS SOCIAL E CULTURALMENTE PARA OS SEXOS E PARA OS GENEROS.
  • 378812

    25,01 %

    Liberdade Felicidade E F Da-se - Planeta

    sinopse
    • Como viver melhor Já ouviu falar da curva da felicidade? Pesquisas realizadas por economistas em oitenta países, com mais de 2 milhões de pessoas, encontraram um padrão constante. As pessoas mais felizes são as mais jovens e as mais velhas, e as menos felizes são as que estão entre quarenta e cinquenta anos. A partir daí, a antropóloga Mirian Goldenberg saiu a campo e comprovou que o mesmo acontece no Brasil. O resultado de sua análise rendeu uma palestra no TEDxSão Paulo que viralizou no YouTube com mais de 1 milhão de visualizações. Liberdade, felicidade e foda-se nasceu desta palestra. É um alerta e, ao mesmo tempo, um convite para que todos aceitem o desafio e tenham a coragem de inventar uma vida mais livre e mais feliz. Cada um dos 17 capítulos do livro começa com uma pergunta, apresenta uma discussão e termina com um espaço para o leitor anotar suas ideias e reflexões. Você já fez uma faxina na sua vida? Gostaria de ser mais leve? Sabe rimar liberdade com felicidade? Tem medo de envelhecer? Sabe o que vai fazer e ser quando envelhecer? Em que ponto está na curva da felicidade? A partir de depoimentos de homens e mulheres, Mirian oferece as respostas para essas e outras tantas perguntas. Um livro imperdível para quem está procurando ser feliz ainda nesta vida.
  • 337837

    24,99 %

    Antropologia Da Educacao - Crv

    sinopse
    • O livro de Karina Limonta Vieira trata de forma original um tema relevante, atual e ainda pouco explorado no campo da Educação, qual seja, a construção do conhecimento em Antropologia da Educação no Brasil. Valendo-se da Análise de Conteúdo Hermenêutica e da Antropologia Educacional Histórico-Cultural Alemã, a autora consegue iluminar a ?sombra? que paira sobre a constituição da Antropologia da Educação no Brasil. A partir de uma análise exaustiva e cuidadosa do conteúdo e do sentido dos discursos de antropólogos e educadores, a autora expõe as tensões desse campo do conhecimento, mostrando que não há clareza a respeito do que seja Antropologia da Educação, a qual, à despeito do nome, é uma Antropologia Escolar. Diante dos impasses dessa área, a autora nos brinda com uma excelente reflexão e instigantes e desafiadoras questões dentre as quais gostaria de destacar duas: Seria possível uma Antropologia da Educação feita por Educadores? Ou a Antropologia da Educação poderia se constituir como um campo interdisciplinar, no qual pesquisariam juntos antropólogos e educadores, superando os determinismos teóricos, metodológicos e de formação? No meu entender, o grande mérito deste livro é lançar um outro olhar não só sobre este importante campo de conhecimento, como mostrar o valor heurístico da Análise de Conteúdo Hermenêutica para a reflexão sobre a Educação.
  • 278637

    25,0 %

    Ideia De Cultura, A - Unesp

    sinopse
    • Nesta obra, Terry Eagleton se debruça sobre os usos, o significado e as noções de cultura. Mais do que uma busca para desvendar as origens do sentido dado à palavra, ele se propõe a rever seu significado tanto antropológico quanto estético, abarcando o entendimento de cultura em mais de uma vertente. A partir deste apanhado, o autor segue para discutir a crise moderna da ideia de cultura, passando pelos atuais choques culturais e debatendo a dialética da natureza e da cultura. Assim, este título abre a mente do leitor para questões fundamentais do mundo contemporâneo, tais como a homogeneização da cultura de massa, a função da cultura na estruturação do Estado-Nação e a construção de identidades e sistemas doutrinários
  • 277936

    24,99 %

    Expressoes Artisticas Urbanas - Mauad

    sinopse
    • Este livro apresenta estudos de etnografia urbana sobre práticas artísticas, realizados por professores e pesquisadores das Ciências Sociais que atuam no Brasil, em Portugal e em Cabo Verde. O ineditismo e originalidade do fio condutor desta coletânea é dialogar sobre expressões artísticas tais como dança (funk, hip hop, samba), manifestações festivas, música, fotografia, enfocando especificamente a perspectiva etnográfica no estudo antropológico dessas expressões em contextos urbanos.
  • 251733

    25,0 %

    Diversidad Cultural Genero Y Tecnologia

    sinopse
    • DIVERSIDAD CULTURAL GENERO Y TECNOLOGIA - MARLENE TAMANINI/MARILIA GOMES DE CARVALHO
  • 234237

    24,99 %

    Mundializacao E Cultura - Brasiliense

    sinopse
    • Na virada do século, percebemo-nos "cidadãos do mundo" - não no antigo sentido, de pessoas viajadas, mas sim das que compartilham um mesmo cotidiano. Marlboro, Disney, fast-food, lojas, chocolates, computadores invadem nossas vidas, nos constrangem ou nos libertam, fazem parte da mobília do dia-a-dia. Esta é uma reflexão sobre a mundialização da cultura e a inevitável reorientação das sociedades atuais.
  • 124277

    25,0 %

    Fronteiras E Diversidades Culturais No Seculo Xxi - Mauad

    sinopse
    • Com 19 artigos de 25 professores e pesquisadores, esta obra enfoca o cenário global de diversidades e desafios no século XXI, com ênfase no Reconhecimento Social. Discute, entre outros temas, a distinção entre formas ideológicas e éticas de reconhecimento social, novas cidadanias, modos de pensar o comum, moda, o imaginário da natureza, profissionalização de jovens e criatividade contemporânea. Também se aprofunda em relação à noção de cidade, às dimensões culturais da globalização e discorre sobre arte, utopia e "trans-forma-(a)ções" sociais. Abrangente e revelador, o livro aponta rumos e perfaz caminhos, dando sua contribuição para o reconhecimento no Estado Global.
  • 83039

    25,01 %

    Cultura Um Conceito Antropologico - Jze

    sinopse
    • Uma introdução ao conceito antropológico de cultura, realizada de forma didática, clara e simples. A primeira parte do livro refere-se ao conceito de cultura a partir das manifestações iluministas até os autores modernos, enquanto a segunda procura demonstrar como a cultura influencia o comportamento social e diversifica enormemente a humanidade, apesar de sua comprovada unidade biológica. O autor procura utilizar, sempre que possível, exemplos referentes à nossa sociedade e às sociedades tribais que compartilham nosso território, o que não impede a utilização de exemplos de autores que trabalham em outras partes do mundo.
  • 321931

    Dinamica Do Sagrado - Relume Dumara

    Produto Esgotado
  • 262858

    Mixologias - Estacao Das Letras

    Produto Esgotado
  • 253969

    Arte Dos Pajes, A - Globo

    Produto Esgotado
  • 185567

    Tropicos Do Discurso - Edusp - 1 Ed

    Produto Esgotado

Produtos encontrados: 29 Resultado da Pesquisa por: em 9 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar